Papo de café@ O que ver no Netflix: Dramédias da Vida Real

Nem todo mundo vê as complicações do nosso dia a dia como coisas ruins ou tristes, e algumas até conseguem criar comédias a partir de dramas.

Aqui, a Equipe do Fabulaturas separou algumas das melhores dramédias exibidas e produzidas pelo Netflix.

Easy

Easy é um seriado que trata de assuntos sérios, como crises matrimoniais e existenciais, o peso das escolhas que as pessoas são obrigadas a fazer em más circunstâncias e, talvez mais do que tudo, as dificuldades que as pessoas têm em se comunicar de maneira honesta e eficaz umas com as outras.

No entanto, embora lide com temas tão complexos, Easy retrata as histórias dos personagens com delicadeza e até mesmo um toque de humor que nunca perde a sensibilidade em relação aos conflitos explorados.

Cada episódio do seriado conta uma história diferente, com alguns personagens aparecendo em mais de um. Como os personagens e as histórias são variadas, o seriado conversa com pessoas de diferentes faixas etárias e diferentes estágios da vida.

Alguns dos temas retratados são o que é uma vida sexual satisfatória, como ensinar religião para os filhos, divórcio, privacidade, entre outros.

Classificação

Notas: Variado e detalhado, acentuado com cevada e uva fermentada.
Metódico e penetrante, com toques de mofo e tabaco.
Corpo: Levemente denso.
Finalização: Duradoura; para te fazer pensar.
Moagem:  
Cafeína: 
Ver bebendo:

 

Master of None

Em inglês, “Master of None” quer dizer algo como Mestre de Nada. De acordo com o criador e protagonista da série, o comediante Aziz Ansari, o título se refere ao fato de que hoje em dia, as pessoas têm tantas opções – seja para comprar um tênis ou namorar alguém – que a preocupação em sempre ter “o melhor” faz com que elas acabem por ficar sem nada.

Sabe quando você passa tanto tempo trocando de canal que acaba não vendo nada. Pois então, é mais ou menos por aí.

Master of None, como Easy, acompanha os dramas cotidianos dos personagens, como namoro virtual, encontros às cegas, conflitos de gerações com os pais, entre outros.

Classificação

Notas: Descompromissado, com toques de baunilha e tomate. 
Corpo: Leve.
Finalização: Suave.
Moagem:  
Cafeína: 
Ver bebendo:

Meyerowitz Stories – A família não se escolhe

Quem vê os nomes de Adam Sandler e Ben Stiller no elenco pode ficar surpreso com o tom e os assuntos mais sérios que são tratados por essa dramédia do diretor Noah Baumbach – o mesmo do aclamado indie Frances Ha.

A história gira em torno de três irmãos (Adam Sandler, Ben Stiller e Elizabeth Marvel) lidando com problemas de saúde do pai (Dustin Hoffman), um artista com um grande ego e três ex-mulheres, cada uma a mãe de um dos filhos.

Um dos principais temas do filme é a dificuldade de comunicação entre os irmãos e entre os irmãos e o pai, que passam a maior parte do filme se sentindo fracassados ou imaginando que os outros membros os vêem dessa forma.

Muitos dos problemas interpessoais dos Meyerowitz advêm da necessidade dos personagens em sentirem aquele amor incondicional que a maioria de nós esperam da família. Afinal, quem não quer chegar em casa e saber que alguém te ama apesar de todos os seus fracassos pessoais?

Meyerowitzs Stories – A família não se escolhe é um ótimo filme para ver com a família. Crianças, porém, podem achar difícil se conectar com os temas.

Classificação

Notas: Agridoce.
Corpo: Médio.
Finalização: Satisfatória.
Moagem:  
Cafeína: 
Ver bebendo:

 

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.